quarta-feira, 20 de janeiro de 2010

SPFW - 2º dia, segunda (18/01)

*Maria Bonita


  • A inspiração: o trabalho da arquiteta modernista Lina Bo Bardi. O desfile foi no SESC Pompéia, prédio assinado pela arquiteta. A influência esportiva também está presente na coleção.
  • As peças: vestidos, calças, jaquetas, calças de jogging, casacos cangurus.
  • As tendências: muitos recortes, fendas e vazados; modelagem ampla; parte interna colorida, revelada com o movimento; desequilíbrio harmonioso criado nas peças; transparência.
  • As cores: cinza (simbolizando o concreto aparente), azul, vermelho, verde.
  • Os tecidos: lã, linho, tecidos sintéticos.
  • As estampas: geométricas.
  • Nos pés: espécies de mocassins, com salto anabela.
  • Os acessórios: jóias elaboradas pelo designer Antonio Bernardo, que também se inspirou na obra de Lina Bo Bardi. O designer apresentou sua releitura da inspiração em formas geométricas de losangos e esferas tridimensionais.
  • Os cabelos: rabo de cavalo baixo, repartido de lado, com mechas coloridas no meio.
  • A maquiagem: super clean, basiquinha.



*Reinaldo Lourenço
  • A inspiração: Influências da década de 40 e 60 e dos uniformes militares. Reinaldo Lourenço buscou referências, também, nos estudos da Cabala. As modelos usavam as tradicionais fitinhas vermelhas no braço, que simbolizam proteção na religião judaica. O desfile foi na FAAP, no bairro Higienópolis.
  • As peças: vestidos (longos, curtos e médios), calças (algumas com dupla modelagem: são retas, mas com o zíper aberto, ganham boca de sino), paletós, conjuntos em couro e em lã canelada (uniformes militares).
  • As tendências: looks extremamente trabalhados; babados; plissados; aplicações de pedrarias e cristais; alfaiataria; bolsos utilitários; cintura marcada.
  • As cores: nude, verde militar, preto, off-white, vermelho, amarelo.
  • Os tecidos: couro, organza, lã canelada, rendas, cetim.
  • As estampas: estampas em aramaico (referência à Cabala).
  • Nos pés: ankle boots e botas, que vieram com zíper e foram usados abertos, criando volume nos pés.
  • Os acessórios: Meias pretas finalizam o look, que também ganha acessórios de falso vison.
  • Os cabelos: soltos, repartidos de lado e, ao mesmo tempo, jogados pra trás. Bem lambidos e soltos.
  • A maquiagem: sobrancelhas descoloridas, com um traço forte, em formato de arco.

*Maria Garcia

  • A inspiração: o clima de dance music e o street chic dos anos 90, em especial a banda de rock alternatico, CAKE.
  • As peças: paletós e jaquetas no estilo boyfriend, micro shorts, legging larguinha de renda, jardineira de seda, casacão de tricô.
  • As tendências: estilo boyish em contraste com peças bem femininas, transparência.
  • As cores: a tentativa foi sair do lugar comum, e nada mais diferente do que a combinação pink e vermelho para o inverno. Além destas, preto, verde militar, cinza e marrom entraram nos looks da coleção nova.
  • Os tecidos: lamê, lurex, nylon, seda, renda.
  • As estampas: camuflagens de flores.
  • Nos pés: galocha de couro envernizado.
  • Os acessórios: braceletes com pedras coloridas,
  • Os cabelos: coque alto bagunçadinho.
  • A maquiagem: bem estilo "cara lavada", "acabei de acordar".
*Alexandre Herchcovitch
  • A inspiração: o Leste Europeu, a Georgia e a Armênia, regiões onde as culturas cigana e cossaca se misturam. O desfile é uma homenagem ao diretor Sergei Paradadjanov, que retratava o folclore e a cultura destes povos. O universo folk dessa região também é explorado, principalmente na riqueza de detalhes da coleção. Não dá pra deixar de comentar a presença de um perfume punk-rock, bem presente nas criações do estilista.
  • As peças: vestido-casaco, saia de crochê rodada, trench coats, camisas.
  • As tendências: pedrarias, brilho, tachas coloridas e douradas, modelagem ajustada, transparência, zíperes diagonais, babados, plissados, mangas bufantes, corte A, trapézios.
  • As cores: preto, cinza, vermelho, azul petróleo.
  • Os tecidos: organza, seda, lã, veludo.
  • As estampas: estampas étnicas, paetês gigantes, xadrez em padronagem grande.
  • Nos pés: botas, no estilo de coturnos bem modernosos.
  • Os acessórios: meia calça arrastão (usada como segunda pele por baixo de casacos e até como luva), lenços em formatos de toucas com adornos em metal.
  • Os cabelos: soltos e lisos, mas cobertos por lenços cheios de badulaques.
  • A maquiagem: olho todo preto, com delineado de gatinho.O diferencial é o colorido delineando a linha dos cílios inferiores.

*Cori
  • A inspiração: a figurinista de cinema Edith Head, da década de 60, que tem em seu currículo filmes como "A malvada", "Sabrina" e diversos Hitchcocks.
  • As peças: vestidos (curtos com volume, trapézios e com jogo de texturas), coletes, casacos, macacões, calças justas, blazers ajustados, hot pants.
  • As tendências: balonê sutil, cintura alta, modelagem ampla, fios metálicos nos tecidos.
  • As cores: preto, branco, roxo, petróleo, cinza.
  • Os tecidos: lã, tweed, seda.
  • As estampas: estampa animal maximizada e apresentada em tons de azul, quadriculado de linhas finas e tortas.
  • Nos pés: botas de cano curto e salto alto - algumas com recortes de transparência.
  • Os acessórios: cintos de laços (fofos!).
  • Os cabelos: levemente ondulados, bem anos 20.
  • A maquiagem: lábios cor-de-rosa, sombra com glitter e máscara de cílios em cima e embaixo.
  • As unhas: cinzas. A cor Arábica, da Risqué, é parecidíssima.

*Forum Tufi Duek
  • A inspiração: sensualidade e fetiches, com destaque para as costas.
  • As peças: saias box (armadas como uma caixa), calças de alfaiataria com boca afunilada, vestidos plissados.
  • As tendências: paetês envelhecidos, cintura bem alta, alfaiataria, plissado, comprimentos curtos, godê, ombros largos e marcados, patchwork.
  • As cores: preto, cinza, marrom.
  • Os tecidos: couro, musseline, tafetá, seda.
  • Nos pés: sapatos altíssimos e amarrados nos tornozelos, com plataformas nas bases.
  • Os cabelos: coque diferente, todo frisado.
  • A maquiagem: bem clean. Os maquiadores usaram um blush para colorir as pálpebras e as bochechas ficaram sem nada.

*Samuel Cirnansck
  • A inspiração: o mobiliário inglês do século XVIII criado por Thomas Chippendale. Os móveis tomaram conta das roupas e dos arranjos de cabeça das modelos, de forma bem lúdica. Chippendale era conhecido por criar móveis pesados e linhas curvas trabalhadas. Parecia até um desfile de alta costura.
  • As peças: vestidos, saias, calças.
  • As tendências: drapeados, ombros marcados, transparência, balonê.
  • As cores: preto, cinza, vermelho bem forte.
  • Os tecidos: malha, renda, silicone (uau!), couro.
  • As estampas: xadrez.
  • Nos pés: ankle boots de lã xadrez, forradas de rebites e correntes.
  • Os acessórios: adornos de cabeça que eram cúpulas de abajur bordadas, cobertas por franjas de cristal.
  • A maquiagem: sobrancelhas afinadas (toque europeu bem século 20), cinza nos olhos, blush e base iluminadora e batom cintilante de tom nude.


0 comentários: